Rua Joaquim Floriano 466 - Sala 1707
contato@drmarcelopi.com
11 3071-1836

Saiba alguns mitos e verdades sobre a terapia de reposição hormonal

A chegada da menopausa é marcada por diversos desconfortos, como aumento da temperatura corporal, perda do sono, fadiga e irritação. A solução para esses e outros problemas é a terapia de reposição hormonal, que embora seja extremamente afetiva, ainda é cercada de muitas dúvidas e receios. Confira algumas informações sobre o tratamento.

Leia também: Pesquisa revela que 20% da população brasileira é considerada obesa

Primeiro, é preciso saber que nem todas as mulheres devem fazer reposição hormonal. Para cada pessoa é recomendado um tipo de medicamento específico, por isso, não caia no papo de que a tratamento é adequado para todas. Para ter certeza qual é o melhor procedimento consulte um nutrólogo.

Mitos e verdades sobre a terapia de reposição hormonal

terapia de reposição hormonal

Reposição hormonal engorda: o aumento de peso é constantemente associado ao tratamento, porém, não existe qualquer relação entre ambos. Especialistas já desmistificaram esse assunto e contam que a partir da reposição hormonal, o excesso de gordura passa a se concentrar no quadril e nas mamas.

Reposição hormonal acelera o envelhecimento:  um dos mitos mais comentados sobre o tratamento é um possível envelhecimento precoce. Isso não passa de uma falsa sensação ocasionada pelo encerramento da reposição hormonal. Durante o período do procedimento, é normal que a mulher se sinta mais jovem e disposta. Já ao fim do procedimento, é possível que essa sensação diminua, mas nada tem a ver com um tipo de envelhecimento acelerado.

O tratamento aumenta o risco de câncer: nesse caso, os riscos variam de acordo com a paciente. Fatores como idade, doenças que possui, tipo de hormônio usado são alguns dos itens que determinarão se o risco de câncer é real ou não. Por conta disso, vale ressaltar que, antes de optar pela reposição hormonal é preciso se consultar com um especialista.

Leia também: Qual a importância da vitamina D na terceira idade?

Dr. Marcelo PI

Para ter uma alimentação de qualidade e nutritiva o suficiente para a correria do dia a dia, a consulta com um nutricionista é o mais recomendado. Só ele é capaz de alinhar uma dieta à sua rotina diária. O Dr. Marcelo Pi é especialista em nutrição e consegue identificar quais são suas necessidades de acordo com seu tempo para alimentação.

O consultório do Dr. Marcelo Pi está localizado na Rua Joaquim Floriano, 533, no bairro do Itaim, na cidade de São Paulo. O local possui fácil acesso de carro e transporte coletivo. Agende já sua consulta e conheça mais sobre o trabalho visitando seu site e Facebook.

Comentários

comente

AGENDE SUA CONSULTA